Painel Principal  :  Notícias (Histórico)  :  Cluster de Saúde ...
Notícias - Histórico
 
  Aceleradora  
  Formação   Geral   Incentivos   Incubadora   Notas de Imprensa   Prémios   Transf. Tecnologia e PI  
 
Cluster de Saúde de Coimbra - Evento XHMS
 
A importância do XHMS - Centro de Excelência de Healthcare & Medical Solutions, criado em 2006, em Coimbra, foi ontem reconhecida por Lino Fernandes, presidente da Agência de Inovação (ADI).
Lino Fernandes destacou que «a rede dedicada à saúde na região Centro» se insere numa área que se assume como «um mercado de futuro e com grande potencial de crescimento».
Após lembrar que o XHMS - Centro de Excelência de Healthcare & Medical Solutions é «uma das oito redes que a agência apoia desde 2006», reafirmou tratar-se de «uma rede extremamente importante», confirmando ser «uma das áreas, em termos de investigação, com mais capacidade». Agora, divulgou, «a parte industrial está mais em desenvolvimento».
Apesar do financiamento da ADI terminar este ano, Lino Fernandes explicou não querer dizer com isto que «não vão existir outros programas semelhantes», desejando que «daqui possam sair projectos concretos». No seminário “XHMS - Centro de Excelência em Healthcare & Medical Solutions”, que decorreu ontem, no auditório do edifício principal da Faculdade de Ciências e Tecnologia da Universidade de Coimbra, o presidente da ADI autenticou ser «uma área forte em Coimbra».
Paula Fonseca, responsável pelo programa das redes de competência da ADI, deu a conhecer que, graças ao XHMS, consórcio composto por 37 empresas e entidades que gerem a sua actividade em torno da saúde e tecnologias da saúde, «um conjunto de empresas, que estavam noutros mercados, entraram na área da saúde», permitindo-lhes «estudar o mercado internacional e exportar potencialidades».

Futuro mais inclusivo
Coordenado pelo Instituto Pedro Nunes (IPN), Universidade de Coimbra e Associação para a Investigação Biomédica e Inovação em Luz e Imagem, o XHMS tem, segundo Carlos Cerqueira, «o reforço do mercado global de Healthcare & Medical Solutions, através do apoio à internacionalização e ao fortalecimento da actividade das empresas portuguesas na investigação, desenvolvimento e introdução no mercado de novas soluções, produtos e serviços».
O coordenador do Departamento de Valorização do Conhecimento e Inovação do IPN sublinhou que «o XHMS é um projecto de cluster que junta universidades, empresas, hospitais, unidades de cuidados de saúde e agentes de desenvolvimento local, com o objectivo de perceber como podem trabalhar e que oportunidades de negócio existem entre eles».
«Depois, vai buscar competências externas e internas para ajudar as empresas a comercializar », acrescentou.
Com uma duração inicial prevista até este ano, o XHMS vai alargar-se até 2011. Segundo um documento sobre a iniciativa, «espera, actualmente enquadramento no Quadro de Referência Estratégico Nacional». Carlos Cerqueira referiu que «o XHMS é um projecto que visa levar ciência para o mercado», assumindo que «Coimbra sempre foi um cluster da saúde, que não começou com o XHMS».
Ainda assim, confirmou, «achamos que o que podemos trazer e acrescentar, é pegar nos actores que já existiam e dar-lhe mais coesão no sentido de intensificar as oportunidades de trabalho, mas também trazer algumas competências/valências que, eventualmente, ainda não estão suficientemente exploradas, como, por exemplo, a capacidade de valorização do conhecimento».
Carlos Cerqueira garantiu que «temos investigadores de excelência», pelo que «precisamos ter, que é o que estamos a ter com o XHMS, competências de excelência na comercialização de produtos». «O futuro é continuar o que fazemos, mas de uma forma mais inclusiva. Estamos abertos à cooperação com outras regiões, empresas, universidades», afirmou, antes de concluir: «Um projecto
como este cria redes e apoios que permitem chegar a quem interessa e aos mercados que são competitivos”.

Para saber mais sobre o XHMS, pode consultar o site www.xhms.org .

Fonte: Diário de Coimbra (19 DE JUNHO DE 2008 QUINTA-FEIRA)
 
Inserido em 02-07-2008
Temas relacionados <Geral>  <Notas de Imprensa